A pontuação do Express Entry vai continuar caindo ?

Novo global talent stream.
14/03/2017
4 dicas para economizar em seu turismo ao Canadá.
18/03/2017
Show all

A pontuação do Express Entry vai continuar caindo ?

O sorteio do express entry realizado no dia 1 de março com os números de pontos do Comprehensive Ranking System (CRS) exigido para que um candidato receba um convite para a residência permanente canadense, com a maior queda da historia. Candidatos no pool do express entry com 434 ou mais pontos no CRS, tiveram o sonho realizado de receber o ITA.

Neste sorteio foram emitidas 3.884 ITAs.

A diminuição da exigência de CRS significa que um maior número de candidatos, bem como membros da família acompanhante, estão agora em posição de apresentar um pedido de residência permanente para o Immigration, Refugees and Citizenship Canada (IRCC). Na semana do dia 22 de fevereiro, ocorreu um sorteio do express entry, que viu candidatos com 441 ou mais pontos CRS convidados a se candidatar. A diminuição de sete pontos a mais em uma semana, permite que uma gama ainda maior de candidatos apresentem um pedido.

Então vamos considerar os seguintes cenários hipotéticos.

Ricardo é um candidato solteiro, de 29 anos que esteve no pool por alguns meses. Tem um Bacharelado obtido fora do Canadá, bem como três anos de experiência de trabalho qualificado, também fora do Canadá. Ele tem a habilidade de língua inglesa equivalente a Benchmark de Língua Canadense (CLB) 9, ou nível avançado inicial, em leitura e escrita, enquanto sua fala e audição foi comprovada em nível de CLB 10 (desenvolvimento avançado). Seus 435 pontos CRS seriam suficientes para ele receber um ITA no último sorteio.

Amanda tem 35 anos de idade, com habilidade linguística intermediária (CLB 7), três anos de experiência de trabalho estrangeiro e dois anos de experiência de trabalho canadense por meio do post-graduation work permit (PGWP) após ter concluído um Bacharelado no Canadá. Beneficiou-se das melhorias introduzidas no sistema Express Entry em Novembro, que, pela primeira vez, premiou os diplomados internacionais com pontos CRS adicionais. Ela também é solteira. No geral, seus 436 pontos CRS foram suficientes para ela receber um ITA.

Danilo tem habilidade do idioma quase tão bom quanto a de Amanda, mas não completamente. O estudante de 29 anos, solteiro, tem habilidade linguística intermediária (CLB 6) e é elegível para entrar pelo  Canadian Experience Class por conta de sua experiência de trabalho no Canadá em uma ocupação que se enquadra no nível B da National Occupational Classification (NOC). Ele trabalhou por um total de três anos no Canadá, bem como três anos no exterior, e ele também tem um bacharel obtido no Canadá. Ele faria 435 pontos no CRS, significa que ele estaria no caminho para se tornar um residente permanente canadense.

Kamila, 38 anos de idade é casada, e o casal pretende se mudar para o Canadá como a família. Kamila tem um mestrado, cinco anos de experiência de trabalho estrangeiro e capacidade do idioma avançado. Seu cônjuge tem 45 anos, com um bacharelado e inglês avançado. A idade mais jovem de Kamila e o nível mais alto de educação significavam que ela entrou no grupo como o candidato principal, e mesmo sem uma indicação provincial ou uma oferta de emprego qualificada, as credenciais do casal significam que seu perfil teria 437 pontos.

Analise do CRS

O primeiro sorteio após as alterações introduzidas no express entry pode ser visto como um ponto fora da curva, uma vez que apenas candidatos com uma indicação provincial foram convidados. No entanto, mesmo tendo isso em conta, as possibilidades agora, são muito maiores do que eram até os últimos meses de 2016.

Opinião de especialista

“O sistema do Express Entry entrou em overdrive nas primeiras nove semanas de 2017, e isso só pode ser uma boa notícia para candidatos e outras partes interessadas, como empregadores e comunidades de todo o Canadá que clamam por novas pessoas no país e novos talentos , “Diz o advogado David Cohen.

“Quando as alterações do express entry que entraram em vigor, foram faladas nesse momento em que a exigência de ponto CRS poderia cair. Isso ocorreu porque o número de candidatos que receberam pontos em uma oferta de emprego realmente aumentou, embora o número de pontos concedidos para tal oferta de empregos tenha baixado substancialmente. Uma vez que esses candidatos deixaram o pool – e eles estão agora em seu caminho para se estabelecer no Canadá como residentes permanentes, logo era clara a previsão de que a exigência do CRS iria cair ao longo do tempo. Na verdade, há razões fortes para acreditar que a pontuação pode continuar a diminuir. “

Destaque: Novo global talent stream.

Já iniciou o seu processo para o express entry? Gostaria de ajuda para tal processo? Deixe o seu comentário e entre em contato conosco!

Fonte: http://www.cicnews.com/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Translate »